0

Um dia

Um dia você acorda e vê que a sua vida se desfez em mil pedacinhos…
Aí você vê que não será fácil se juntar
E vê que você está sozinho no mundo

Não sozinho de pessoas
Mas sozinho porque aquela pessoa que você confiou e acreditou, nunca esteve ali…

Neste dia
Você descobre a maudade
Você descobre o lado mais obscuro da alma humana
Você descobre que por mais que seja doloroso, não importa o quanto você se importa, algumas pessoas simplesmente não se importam

E então
Você descobre que está vazio
Vazio de sentimentos
Vazio de passado
Porque quem você é, simplesmente desapareceu
Vc foi engolido por um buraco negro

E então
Você chora
Você descobre que não importa o quanto a vida seja terrivel
Nao importa o quanto as pessoas sejam egoístas
Não importa a falta de sentimentos
Não importa que você esteja sofrendo

E então
Você começa a juntar os pedacinhos da sua alma
Você sente dor
Sente vontade de morrer
Quando descobre que seus pedacinhos são fragmentos
E que você não se encaixa
Você não se enquadra

Então você descobre que nada precisa encaixar
Nada precisa ter sentido
Porque a vida é assim

E você descobre
Que não importa o quanto você esteja sofrendo
Sempre haverá alguém que tem prazer em pisotear a sua alma

Mas você também descobre
Que amigo é o bem mais precioso que se tem na vida
Você aprende a valorizar pequenos gestos, pequenos detalhes

E você descobre que os pedaços não se encaixam
Porque estava preenchendo seus vazios com sentimentos errados

Você descobre que deve gostar
Que deve se importar
Que deve cuidar
De quem gosta de você

Você descobre que é livre
Mas também descobre que você passou tanto tempo engaiolado
Que agora o mundo parece grande demais

E você sente medo
E sente medo
E sente vondade de voltar pra gaiola
Mas já é hora

De voar sozinho
E buscar seus próprios caminhos

Anúncios
0

=/

Guardei quem eu sou numa caixinha e resolvi não escrever mais sobre mim. O que eu sou, pra onde eu vou, nada disso importa mais.

Não importa simplesmente porque eu me perdi em uma fenda no tempo e agora eu não me lembro mais quem eu sou.

Eu não me lembro porque nao quero, porque quero fugir de mim mesma, e me esconder da falta de sinceridade e de sensibilidade que me atormentam e me entristecem.