Avenidavida

Meu amor,
eu disse!
– O tempo é um rolo.
E um rolo compressor.

Come a nossa existência,
consome nossas vontades,
queremos algo
(…) esperamos (…)
e a vontade passa.

O rolo do tempo
comprime nossos sentimentos,
constrange nossos filhos,
TORTOS.

E, quando se vê,
o rolo já rolou,
tirou os buraquinhos
e já se pode mandar ver
no asfalto.

Daí,
supimpa:
a avenidavida
já está propícia para o uso.

Linda e limpa,
e ainda com pista dupla.
Sem buracos,
o que é muitíssimo importante.

O que ficou pra trás,
no rolo compressor
é uma história
lamentável do que não se fez,
do que não se quis.
Do que não aconteceu.

Ninguém pode falar que abriu mão da vida para construir uma história,
pois a vida é a própria história.

Então,
viva sem se preocupar, sem se perguntar.
Não há nenhuma resposta tão fundamental que mereça ser procurada, assim, a qualquer custo.

Anúncios

One thought on “Avenidavida

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s