Uma mei(a)vulsa

Aqui, uma poeta/contista/cronista. Adepta ao brutalismo e ao ultra-romantismo. Escrevo de tudo um pouco para me livrar, pelo menos um pouco, do tédio do dia-dia.
Boa leitura.

Anúncios

4 thoughts on “Uma mei(a)vulsa

  1. Bom eu tbm sou meio parecido com vc apesar de td q as pesoas esperam de mim mas dentro de mim eh uma solidao q ninguem sabe tem um monti de coisas q eu tentu fazer por simples vontade e naum me deixam( naum deixam ser q qeim eu sou realmente) mas as pesoas q vivem comigu q sao umas 3 ou 4 no maximo sabe q sou apenas uma garoto q naum cresceu e seu principal sonho eh ser feliz e mais nada bjos

  2. Você não é nada disso que você disse nesse texto; pelo menos pra mim. Nenhum texto é capaz de produzir em mim tamanha comoção física e espiritual. Você é minha Bíblia em aramaico. O cheiro que a fome escolhe para me seduzir e me escravizar. Eu sou um miserável em busca de sua fortuna. Sem escrúpulos, em dó. Somente sede.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s